O que são commodities e sua importância nos investimentos

Por admin

commodities

Commodities são produtos em estado bruto que servem como matéria-prima e são produzidos em larga escala com alto nível de comercialização ao redor do mundo.

Se você quer saber mais sobre o que são commodities e qual é sua a relação com investimentos, fique atento às próximas linhas.

O que são commodities

Commodities são produtos de origem primária que servem como matéria-prima para a fabricação de outros produtos. Aqui estamos falando de mercadorias em estado bruto que são produzidas em larga escala e que podem ser estocadas sem que a qualidade seja prejudicada.

As commodities possuem alto nível de comercialização e têm grande importância no mercado internacional. Elas podem ser divididas em diferentes categorias, como agrícolas, ambientais, e minerais. Alguns exemplos comuns de commodities são milho, café, soja, trigo, algodão, madeira, água, petróleo, gás natural e ouro.

Vale lembrar que, no mercado, as commodities estão sujeitas à lei da oferta e da procura. Isso significa que, quanto mais uma commodity é produzida ao redor do mundo, menor será o seu preço. Mas quando a demanda por ela aumenta, elevam-se também os preços no mercado internacional, impactando diretamente as relações de comércio exterior.

No caso das commodities, um país ou uma empresa não determina o preço referentes a ela, como acontece em outros setores do mercado. Na prática, as commodities não possuem um preço fixo, mas valores que acompanham a demanda e a capacidade de oferta global.

Importância das commodities para o Brasil

De acordo com um levantamento de 2019 da Conferência das Nações Unidas sobre Comércio e Desenvolvimento (UNCTAD), as commodities representam 63% do valor das exportações brasileiras. Essas exportações equivalem a 6,7% do produto interno bruto (PIB) brasileiro, segundo a UNCTAD.

De acordo com a UNCTAD, países em que as exportações de commodities superam 60% das exportações totais em termos de valor já são considerados como dependentes desse tipo de mercadoria.

Quem ganha destaque na produção nacional são as commodities agrícolas e minerais, já que no Brasil existe riqueza de recursos naturais e um território de tamanho continental. Em períodos de crise ao redor do mundo, o Brasil acaba sendo afetado justamente devido à baixa nos valores de commodities. Em compensação, em períodos de economia crescente, o país se beneficia por causa da elevação da demanda.

A Vale e a Petrobras, por exemplo, são duas das maiores empresas brasileiras e dependem muito do valor do petróleo e do aço, duas commodities demandadas no mundo todo.

Importância das commodities nos investimentos

Para quem investe em bolsa de valores, ficar atento às commodities é essencial, pois elas têm impacto direto nos investimentos. Em boa medida, as cotações dos índices das bolsas ao redor do mundo são influenciadas por commodities, como petróleo, aço, cobre e ouro.

O investimento em commodities é feito principalmente no Mercado Futuro, um modelo de compra e venda que protege produtores e compradores de oscilações no tempo. Na prática, a cotação das mercadorias é predefinida para um momento futuro, garantindo que uma eventual desvalorização nos preços não prejudique os vendedores e compradores. Em outras palavras, a cotação das commodities é fixada por meio desse tipo de acordo na Bolsa de Valores.

Além da proteção para produtores agrícolas, o mercado futuro também atende à demanda de investidores, que especulam se os preços vão cair ou subir. Um investidor aqui no Brasil pode comprar contratos futuros de petróleo, por exemplo, e se beneficiar de uma alta nas cotações — ou perder dinheiro na baixa.

Mas, antes de considerar o investimento em mercados futuros, os investidores devem compreender a importância e a influência das commodities na bolsa de valores. Ao comprar ações da Petrobras, por exemplo, é interessante observar a cotação do barril de petróleo e as tendências do setor.

Também é interessante ressaltar que, muitas vezes, as commodities têm peso tão relevante nos índices das bolsas, que uma variação brusca no preço do aço, por exemplo, pode derrubar a cotação de papéis sem aparente relação com aquele setor. Por isso, entender o que são commodities é um dos primeiros passos no universo de conhecimento do investidor principiante.

Se você quiser mais conhecimento sobre o mercado e apoio nas suas decisões de investimento, acesse o site da Onze e confira nossos conteúdos e ferramentas.