Investimento em ações: como montar uma estratégia de Long Short

Por Redação Onze

long short

Como funciona uma estratégia de Long Short

No Long Short, o investidor mantém uma posição comprada (chamada de long) em um papel e uma posição vendida (short) em outro, obtendo lucro com a diferença de variação de preço entre os dois ativos, que precisam estar correlacionados. Ou seja, ou eles pertencerão à mesma empresa ou a empresas do mesmo segmento.

Como esses papéis têm uma ligação, tendem a se comportar de forma parecida no mercado. Existe uma fórmula para se calcular os possíveis ganhos, chamada índice beta. O investidor lucra no Long Short com a pequena distorção de comportamento sofrida por ambos os ativos – normalmente um se valoriza mais que o outro. 

É preciso, portanto, que o papel comprado se valorize mais que o vendido. Essa diferença de performance é conhecida como spread, e será o lucro obtido com a operação. 

Tipos de Long Short

Identificada a ligação entre duas ações, pode-se realizar a operação de Long Short com qualquer ação da bolsa. No entanto, as estratégias mais comuns são:

Long Short Intrassetorial

Ocorre com duas ações de empresas que atuam no mesmo segmento, como Bradesco e Santander, por exemplo.

ON versus PN

São papéis da mesma empresa, com a diferença de serem ações ordinárias (ON) e preferenciais (PN). Seu comportamento no mercado, portanto, é exatamente o mesmo, os riscos menores e os rendimentos mais baixos. 

Controlada versus Controladora 

Algumas empresas de capital aberto são controladas por empresas que também estão na bolsa, apresentando uma forte correlação e facilitando a operação de Long Short.

Vantagens de adotar uma estratégia de Long Short

As principais vantagens dessa estratégia são:

  • Não depende do desempenho geral da bolsa, mas apenas das ações envolvidas
  • Pode ser realizada em qualquer momento do mercado (em alta ou em baixa)
  • Permite a alavancagem
  • É mais uma opção para diversificar operações

Monte sua estratégia de investimento Long Short

É preciso conhecer bem os riscos envolvidos nessa operação para saber se vale a pena ou não realizá-la. Ao se optar por atuar com ela, é preferível entrar em um fundo que ofereça esse tipo de operação, para trabalhar com diversidade de investimentos. Afinal, o Long Short tem riscos minimizados, mas não se descarta a perda de dinheiro com ele. 

Sobre a Onze

A Onze é uma casa de investimentos que tem o propósito de gerir o patrimônio financeiro de longo prazo dos investidores. Para isso, oferece planos de previdência privada que investem em ativos diversos da economia brasileira. A Onze também oferece uma experiência digital personalizada e simples, de modo que o investidor tenha acesso a produtos financeiros exclusivos a taxas justas. Entre em contato.