Capital financeiro: o que é e qual é a sua importância

Por Redação Onze

Capital financeiro

O que é capital financeiro

Capital financeiro é o conjunto de ativos que movimentam a economia e podem ser convertidos em dinheiro. É o caso dos títulos de renda fixa e das ações negociadas na bolsa de valores, por exemplo.

O capital circula no mercado financeiro, ambiente onde os ativos são negociados por meio de regras específicas. Para que as transações ocorram, há o papel essencial de diversas instituições. Elas permitem a circulação do capital financeiro por meio da intermediação entre investidores e tomadores de crédito.

Além disso, elas são responsáveis por regular e fiscalizar o mercado. É o caso das instituições que compõem o Sistema Financeiro Nacional (SFN), como o Banco Central, a Comissão de Valores Mobiliários e o Conselho Monetário Nacional.

Importância do capital financeiro na economia

Tendo em mente essa definição, é hora de compreender a importância do capital financeiro na economia. Descubra a partir dos tópicos a seguir:

1. Possibilita o fluxo da economia

A principal função do capital financeiro é garantir o fluxo da economia. Pense nele como a engrenagem que faz todo o sistema econômico girar. Na prática, então, ele viabiliza todas as transações financeiras, desde uma compra no cartão de crédito por uma pessoa física até a implementação de medidas econômicas por parte do governo.

2. Conecta investidores e tomadores de crédito

Este tópico é uma consequência do anterior: o mercado não tem como rodar se não houver uma ponte entre investidores e tomadores de crédito. Essa ligação, como já mencionamos, fica a cargo das instituições financeiras e é essencial para que o capital financeiro circule.

3. Permite o crescimento econômico

Com o capital financeiro em circulação, o objetivo é fomentar o crescimento econômico de um país de maneira eficiente. Quer um exemplo prático? Imagine que um investidor empresta dinheiro para bancos por meio de CDBs. O capital arrecadado pela instituição é oferecido sob forma de empréstimo para um empreendedor que deseja criar um negócio.

Então o empreendedor abre a empresa e, com o tempo, gera capital a partir das vendas e empregos. Perceba que, dessa forma, a ponte entre investidor e tomador de crédito resulta em uma ação que estimula ainda mais a economia.

Exemplos de capital financeiro no dia a dia

Depois de compreender a importância do capital financeiro, confira alguns exemplos que estão presentes no dia a dia de quem investe:

LCI e LCA

LCI e LCA são, respectivamente, as siglas para Letra de Crédito Imobiliário e Letra de Crédito do Agronegócio. Trata-se de títulos privados de renda fixa emitidos por instituições financeiras.

Na modalidade, os recursos captados pelos bancos financiam áreas estratégicas da economia, por meio de empréstimo de capital para o setor imobiliário e o setor do agronegócio. Ao fazer a aplicação, o investidor recebe o valor acrescido de juros posteriormente.

CDBs

Outro título privado é o CDB: Certificado de Depósito Bancário. Ele também é emitido por bancos, que captam recursos que depois são injetados na economia de diferentes maneiras. O capital é aplicado sobretudo na forma de crédito para pessoas e empresas  – que também contribuem para o mercado girar, como mostramos no exemplo anterior.

Tesouro Selic

Os títulos do Tesouro Selic também fazem parte do capital financeiro. Nesse caso, o Tesouro Nacional capta recursos para as atividades do Governo Federal, que emite títulos de dívida para financiar suas atividades. Quem investe em Tesouro Selic está, na verdade, emprestando dinheiro para a União em troca de remuneração por juros.

Ações

Ações são papéis negociados na bolsa de valores que equivalem a pequenas parcelas de uma companhia. Na modalidade, as empresas abrem seu capital em busca de sócios e, dessa forma, recebem recursos para financiar a expansão de suas atividades e investimentos.

Como você pode ver, a circulação do capital financeiro é uma ferramenta essencial para mover a economia. E os investimentos são a melhor forma de contribuir para o crescimento do mercado e, ao mesmo tempo, gerar retornos para o seu orçamento pessoal.

Acesse o site da Onze e confira outros conteúdos exclusivos!