Dez mil reais rende quanto na poupança? Descubra aqui se vale a pena

Por Redação Onze

Você trabalhou, se planejou e economizou muito durante um tempo e finalmente conseguiu juntar uma graninha para investir. Esse é o momento em que bate aquela dúvida: dez mil reais rende quanto na poupança?

A resposta você vai saber logo, mas em primeiro lugar você precisa saber a importância de não deixar esse dinheiro parado, sem nenhum tipo de aplicação. Pode ter certeza que essa opção além de não render, ainda vai fazer com que você “perca” dinheiro. 

Isso se deve aos índices de inflação. Essa taxa é a referência utilizada para justificar o aumento dos preços de tudo aquilo que consumimos. Quando a inflação sobe, automaticamente os preços de moradia, alimentação, transporte e outros serviços tendem a aumentar em concordância. 

Vamos imaginar a seguinte situação hipotética: hoje, com R$ 10 mil reais você consegue comprar 10 televisões, por R$ 1 mil cada.

Alguns dias depois, o índice da inflação sobe. Automaticamente o custo de produção do aparelho também irá aumentar e consequentemente esse aumento será repassado para o consumidor final. O preço da televisão vai ficar mais alto e logo ela custará R$ 1.200.

Sendo assim, se antes você compraria 10 televisões com R$ 10 mil, agora você só conseguirá comprar 8 tvs. Ou seja, o seu poder de compra irá diminuir. É por isso que não vale a pena deixar esse dinheiro parado, sem nenhum tipo de aplicação ou investimento. 

Taxas de rendimento da poupança

Dez mil reais rende quanto na poupança? A resposta é: não muito. Mas ainda assim já é melhor do que nada. E, mais do que isso, melhor do que perder dinheiro.

Agora que você já sabe que qualquer alternativa de investimento, por mais baixo que seja o rendimento, é mais vantajoso do que deixar o dinheiro parado, saiba que a poupança pode acabar sendo uma boa opção. 

A princípio, pode parecer que o rendimento da poupança não vale a pena. Em 2019, a taxa dos juros da poupança ficou em 0,37% ao mês e cerca de 4,4% ao ano. Ou seja, quando você aplica um valor na poupança, depois de trinta dias você terá o valor aplicado inicialmente + 0,37% dele. Pode parecer pouco, mas é melhor do que nada, não é mesmo?

Sendo assim, se hoje você aplicar R$ 10 mil na poupança, após 30 dias você terá R$ 10 mil + 0,37% que é igual a cerca de R$ 10.037,00. Ao longo de um ano, o investimento inicial irá render pra você cerca de R$ 440 em juros.

O contrato com a instituição financeira onde você tem a conta poupança pode contemplar outras formas de rendimento. Por exemplo, no mês do seu aniversário, o valor pode render o dobro, entre outros benefícios. Tudo deve estar descrito nos termos do contrato que você irá assinar ao abrir a sua conta poupança. 

A poupança também pode ser uma forma alternativa de não manter o dinheiro na conta corrente, diminuindo o risco de gastar. Por ser uma alternativa de mais fácil acesso, você poderá resgatar o dinheiro a qualquer momento, sem grande dificuldade. Em caso de qualquer tipo de emergência, seja financeira, ou pior, de saúde, você pode ter esse dinheiro em mãos rapidamente. 

Em outros tipos de aplicação, os trâmites para resgate podem ser mais complexos e você pode acabar perdendo um pouco de dinheiro, já que são cobradas taxas e encargos para sacar os valores antes do tempo estipulado em contrato. Ou seja, resgatar o dinheiro antes do tempo, é perder dinheiro.

Portanto, cuidado para não cair numa cilada. Tenha certeza de que não precisará contar com esse valor aplicado pelo menos a médio prazo. 



Quanto rende R$ 10 mil em outras aplicações?

O Tesouro Direto é um investimento que abriu as portas para a compra de títulos públicos por pessoas físicas. É como se você “emprestasse” dinheiro para o governo e depois de um tempo, a união te devolvesse o valor devidamente corrigido, acrescido de juros. 

Apesar de parecer estranho, essa é uma forma de investimento que tem sido bem procurada pelos brasileiros por conta da taxa de rendimento maior que a poupança (entre 8 e 10% ano ano). Ou seja, na pior das hipóteses o seu dinheiro já vai render quase o dobro no tesouro direto do que na poupança tradicional. Os R$ 10 mil que você aplicar lá, ao final de um ano vai te render, no mínimo, R$ 800. 

Os bancos digitais também já estão surfando nas ondas de investimentos. O Nubank, por exemplo, oferece a alternativa “Guardar Dinheiro” através da NuConta. Funciona basicamente como uma poupança qualquer, exceto pela diferença de que lá o seu dinheiro irá render 100% do valor do CDI, que hoje gira em torno de 6,4%. 

Há ainda outras alternativas bastante populares como a previdência privada, os Certificados de Depósito Bancário (CDB), as Letras de Crédito Imobiliário (LCI), as Letras de Crédito do Agronegócio (LCA), os Fundos de Renda Fixa, entre outros

Como escolher o melhor investimento?

Dez mil reais rende quanto na poupança? Agora que você já sabe a resposta, saiba que existe um tipo de aplicação para cada tipo de investidor e situação.

A Onze está reinventando a previdência privada para que você tenha conforto e saúde financeira por toda a sua vida. Conheça a nossa plataforma digital com os melhores fundos de investimento e as menores taxas do mercado.