Ações que pagam dividendos: O que são e como investir?

Por admin

A economia mundial mudou consideravelmente nos últimos anos. Os bancos, lotados de recursos financeiros, ganharam um perfil investidor ao invés de arrecadador como tem sido há décadas. Dessa forma, o grande público também foi atraído para essa cultura investidora.

A oportunidade de obter ganhos extras e de forma segura atrai um número cada vez maior de pessoas. E uma das formas mais comuns de investimento são as ações, com seus resultados esperados, os dividendos. Saiba o que são e como investir nas ações que pagam dividendos:

O que são ações que pagam dividendos?

Se você optou por tornar-se um investidor é muito importante que se prepare de forma adequada para esse intento. E um dos conceitos mais importantes que você deve dominar é o de ações que pagam dividendos. Vamos juntos falar sobre eles.

Dividendo, como o nome já nos ajuda a deduzir, tem a ver com dividir. E essa divisão está relacionada ao lucro de uma empresa, distribuída para um grupo de acionistas.

Um acionista é uma pessoa, física ou jurídica, que é proprietária de pelo menos 1 ação da empresa. Quando uma empresa é de capital aberto, ela divide seu capital social em pequenas partes, que são as ações. Os investidores podem adquirir as quantidades que desejam, de acordo com as regras da empresa.

Contudo, tais dividendos podem ser entregues aos acionistas de diversas formas:

  • Outras ações;
  • Dinheiro;
  • Direitos sobre Propriedades (uma forma mais rara).

Aquelas empresas que o fazem, podem efetuar o pagamento com diferentes frequências ao longo do ano, mensalmente, trimestralmente a cada seis meses ou anualmente.

Apenas acionistas elegíveis podem receber o pagamento. Para ser elegível, você deve manter a ação em sua carteira até uma determinada data. Essa data é chamada de data Ex ou Ex-dividendos, que é quando a ação poderá ser vendida.

Por que investir em empresas que pagam dividendos?

Uma boa razão para que você decida finalmente investir em uma empresa que ofereça ações que pagam dividendos é a possibilidade de você conseguir a chamada renda passiva. E o que vem ser “renda passiva”? É todo aquele valor que você ganha sem que tenha que dar uma contrapartida.

Em outras palavras, você não tem a necessidade de trabalhar para obter esse dinheiro, e sim o contrário, o dinheiro trabalha por você. Se você desejar investir somas maiores de dinheiro é até possível que ela se torne sua principal fonte de renda.

A segunda razão que se constitui em uma boa razão para que você invista em empresas que pagam a seus acionistas dividendos é por se tratar, até certo ponto, de um investimento protegido, já que os dividendos serão pagos mesmo em caso de queda na Bolsa de Valores.

As eventuais oscilações que o valor da ação possa sofrer não afeta a geração da renda passiva, já que os dividendos terão de ser distribuídos com base no lucro apresentado pela empresa ao fim do ano fiscal.

Por isso, ao cogitar a possibilidade de investir em empresas para ganhar dividendos, analise as grandes empresas, que vem surgindo como as maiores pagadoras nos últimos anos.

Quais empresas pagam mais dividendos?

Como acabamos de mencionar no tópico anterior, ao analisar empresas busque aquelas que apresentam lucros generosos, previsíveis e consistentes. Essas são as melhores empresas que oferecem ações que pagam dividendos.

Um ótimo exemplo são as empresas do setor de energia elétrica. Como atuam junto ao setor público parte considerável de sua receita já está garantida. E ainda que o índice de inflação flutue ela possui flexibilidade para repassar os valores aos consumidores finais, não comprometendo o lucro e consequentemente, os dividendos.

Porém, como qualquer outro investimento é importante diversificar sua carteira e, dessa forma, buscar empresas em outros segmentos. O setor de bancos, por exemplo, é um dos que mais oferecem boas oportunidades aos investidores de receber seus dividendos.

Grandes bancos oferecem grandes lucros e, consequentemente a distribuição de dividendos aos acionistas elegíveis é praticamente garantida.

Um detalhe importante é ficar atento a um índice chamado Dividend Yield, indicador que se obtém dividindo o valor do dividendo pago por ação pelo valor unitário da mesma ação, multiplicado por 100. Um índice que atinge 5% já é considerado bom. Porém, os superiores a 7% anual são as que oferecem os melhores dividendos.

Entre março de 2018 e março de 2019, as empresas que mais pagaram dividendos, com seus respectivos DYs foram:

  1. Transmissão Paulista: 16,2%
  2. Cielo: 14%
  3. Direcional: 11,5%
  4. Taesa: 11,2%
  5. BB Seguridade: 10,7%
  6. Tupy: 9,9%
  7. Enauta: 9,8%
  8. Telefônica Brasil: 9,5%
  9. Porto Seguro: 8,9%
  10. Itausa: 8,8%

Como montar uma carteira diversificada para recebimento de dividendos?

Como já mencionamos, é muito importante diversificar sua carteira de investimentos. Assim, falaremos sobre algumas dicas que lhe ajudarão a fazê-lo e a conseguir uma renda extra com ações que pagam dividendos.

Um número entre 5 e 8 ações em sua carteira é considerado bom para que você possa investir e, ao mesmo tempo, proteger seu patrimônio. Com esse número, é possível verificar e analisar os números para verificar a viabilidade de permanência no seu portfólio.

Outra dica é optar por empresas maduras, cujos lucros não sofram tantas flutuações ao longo dos anos. Evite aquelas empresas cujos resultados vêm apresentando alternâncias entre lucros e prejuízos ao longo dos anos.

Afinal, as regras são as mesmas de outros investimentos: Diversifique e atribua pesos diferentes para suas opções.

Como pudemos ver, ações que pagam dividendos tornaram-se boas opções para que você possa conseguir renda extra, ou até mesmo consiga viver dela, dependendo de seus conhecimentos, recursos e tempo.

Mesmo não sendo um especialista sempre acompanhe as empresas que fazem parte de sua carteira e seu desempenho no mercado. Na era digital, as informações financeiras e econômicas estão acessíveis a todos e, dessa forma fornece um quadro avaliativo seguro para gerenciar seu investimento.