Como economizar em viagens

Por admin

Nem todas as pessoas sabem como economizar em viagens e acabam gastando mais do que poderiam. Apesar disso, é possível conhecer todos os lugares dos seus sonhos sem precisar comprometer o seu orçamento. A palavra-chave para isso é planejamento.

Com uma boa organização, também é possível aliar uma viagem ao exterior e aprimoramento profissional. Um bom exemplo disso é fazer um curso de idiomas, assim você aprimora a nova língua, treina bastante no dia-a-dia e ainda conhece um pouco mais de outro país.

Para te ajudar a planejar melhor a sua próxima viagem e ainda economizar, confira as nossas dicas no artigo a seguir.

Motivos para viajar

Existem diversos motivos que levam as pessoas a viajar. Aliás, em pesquisa realizada pelo psicólogo Thomas Gilovich, foi possível comprovar que uma viagem pode trazer mais felicidade do que a compra de qualquer bem material.

Confira algumas razões para fazer as malas e visitar outros países:

Conhecer novos lugares

Conhecer novos lugares é realmente fascinante. Durante uma viagem, é possível aprender mais sobre a história local, além de passar por onde ela realmente aconteceu.

Ao visitar outros países, você perceberá como cada povo é único. Se a diferença já pode ser percebida quando viajamos para outro estado brasileiro, imagine viajar para outro país.

Outra grande descoberta das viagens é a culinária local. Os ingredientes ganham novos sabores, novas combinações e preparos diferentes. Provar os pratos mais típicos também funcionam como uma grande imersão cultural.

Buscar autoconhecimento

Assim como você tem a oportunidade de conhecer lugares novos, com culturas totalmente diferentes, você também estará longe de tudo que lhe é familiar. Essa mudança geralmente permite que você olhe para dentro de si, se conecte melhor com você mesmo.

Geralmente depois de uma viagem, as pessoas percebem que existe um mundo enorme de possibilidades. A cabeça fica mais aberta, as percepções mudam, e até mesmo os valores também podem mudar.

Dominar outro idioma

Uma das melhores formas de aprender um novo idioma é através da imersão total. Isso se deve ao fato de que, durante as aulas, quando surge alguma dúvida ou você esquece alguma palavra, o professor pode te socorrer. Entretanto, na vida real a coisa é bem diferente.

Você precisará se virar para realizar as atividades cotidianas. Simples idas ao mercado, andar de ônibus ou explicar para o cabeleireiro como cortar o cabelo, farão com que você aprenda continuamente alguma coisa nova.

Por isso, quem viaja com esse intuito geralmente aproveita para unir o útil ao agradável. E com certeza a sua fluência no idioma vai avançar muito mais rápido ao viver em outro país.

Como economizar em viagens?

Vamos agora às dicas práticas de como fazer para economizar em viagens. Para isso, é necessária muita pesquisa para encontrar as melhores ofertas. Portanto, deixe a preguiça de lado e vamos colocar a mão na massa:

Compre passagens com antecedência

As passagens aéreas geralmente são a parte mais cara da viagem. Entretanto, existem formas de conseguir economizar na hora de comprar os seus bilhetes aéreos. Depois de escolher o seu destino, vale a pena utilizar sites e aplicativos e colocar alerta de preço de passagens. Assim, você fica sabendo das promoções logo que elas aparecerem.

Quem tem flexibilidade para os dias e horários de viagem geralmente consegue preços melhores. Além disso, muitos especialistas afirmam que a melhor época para comprar passagens aéreas de voos domésticos é entre 60 e 90 dias antes da viagem. Já durante a baixa temporada o indicado é entre 25 e 40 dias. E para quem for fazer viagem internacional, entre 60 e 120 dias de antecedência.

Use programas de milhagem

Quem tem a possibilidade de utilizar programas de milhagens ou aqueles programas de pontos de cartão de crédito, deve utilizá-los. Através deles, você também consegue boas ofertas e ainda economiza na viagem.

Você poderá não apenas pagar mais barato, mas até mesmo fazer a viagem sem gastar absolutamente nada com passagem aérea. Isso sim é economia.

Pesquise hospedagens

A escolha da hospedagem é outro ponto importante na hora de saber como economizar em viagens. Leve em consideração os seguintes pontos:

  • Localização: hospedagens localizadas em áreas centrais ou próximas a pontos turísticos geralmente custam mais, mas certamente é possível economizar com deslocamentos. Faça as contas e veja o que ficará mais barato
  • Tipo de hospedagem: apesar de oferecer menos comodidades, hostels (ou albergues) são mais baratos do que hotéis. Considere também se hospedar em apartamentos, assim você pode economizar com alimentação ao fazer sua própria comida

Planeje cuidadosamente os seus gastos

Na hora de planejar a viagem, além de reservar a hospedagem e comprar a passagem aérea, também é preciso pensar na alimentação e os passeios que você deseja fazer.

Antes de viajar também é importante preparar o seu orçamento, e listar todos os gastos que você terá. Desta forma, você já saberá quanto vai gastar antes mesmo de sair de casa. Isso permite, inclusive, que você comece a investir com antecedência. Assim, depois da viagem você não terá nenhuma dívida.

Outra dica para economizar em viagens é procurar por atividades gratuitas ou descontos. Existem os tours guiados que ao final você contribui voluntariamente. Há ainda museus que não cobram ingresso ou dão descontos em algum dia da semana.

O importante é pesquisar bastante. Leia sites com dicas de viagens, veja os vídeos do YouTube e até mesmo entre em contato com pessoas que já visitaram o lugar. Essas dicas são valiosíssimas.

Fuja do cartão de crédito

Sem dúvida alguma, a melhor forma de economizar em viagens é pagando à vista. Por esse motivo que planejamento é tão importante.

Ao programar a viagem com antecedência haverá tempo para:

  • Procurar as melhores ofertas de passagens e pacotes de viagens;
  • Buscar hospedagens com os melhores custos-benefício;
  • Pesquisar asseios gratuitos;
  • Encontrar passes de museus com desconto;
  • Aprender como utilizar o transporte público, que sempre fica mais barato do que táxis ou aplicativos;
  • Analisar se vale a pena comprar um chip de celular de uma operadora local para utilizar a internet.

E principalmente para aquelas pessoas que forem fazer viagens internacionais, fugir do cartão de crédito é fundamental. Lembre-se que você estará gastando em outra moeda. O valor pago será convertido e o câmbio utilizado será o da data de fechamento do cartão, e não o da compra.

A melhor opção é utilizar cartões pré-pagos ou mesmo dinheiro vivo. Além disso, alguns bancos ainda cobram taxas para utilização de cartões ou saques no exterior.

Outra dica importante é controlar com os gastos. Não há necessidade de levar para casa todas as lembranças que encontrar pelo caminho.

Agora que você já sabe como economizar em viagens, saiba onde investir o seu dinheiro e fique mais perto do seu próximo destino.