Overhead: o que é e como gerenciar?

Por Redação Onze

O que é overhead?

Overhead é um termo em inglês que significa “despesas gerais” em uma tradução livre, mas ele também pode ser encontrado como custos indiretos, conforme profissionais da área. Esse conceito se refere às despesas e aos custos relacionados ao funcionamento de uma organização, mas não são interligados à fabricação de um produto, venda de mercadoria ou prestação de um serviço.

Em outras palavras, é a parcela dos gastos da empresa utilizada para manter as operações que não são necessariamente atreladas às atividades principais da empresa. Veja alguns exemplos de contas que se encaixam no conceito do overhead:

  • Tributos: gastos com impostos, taxas e contribuições exigidas pelo governo, além das obrigações acessórias como a emissão de documentos fiscais;
  • Contabilidade: são os gastos com contadores;
  • Setor legal: pagamentos aos advogados, custas processuais e documentos relacionados;
  • Salários administrativos: folha de pagamento do pessoal do setor administrativo;
  • Seguros: eventuais garantias contratadas, como seguro do frete;
  • Aluguel: pagamento mensal para uso do estabelecimento;
  • Depreciação: desvalorização dos ativos pelo uso ou perda da utilidade.

Quando você for precificar suas mercadorias ou serviços, é importante considerar todos os fatores listados e outros do overhead, caso contrário, seu faturamento não será suficiente para arcar com todos os custos e ainda gerar lucro.

Diferença de custos e despesas

Muitos gestores acreditam que custos e despesas são sinônimos, mas esse é um erro que prejudicará bastante a sua gestão financeira, já que você não saberá qual tipo de gasto está entravando suas contas. Se você tem dúvidas sobre as diferenças entre esses dois conceitos, confira, a seguir, uma breve explicação sobre cada um deles.

Despesas

Esses são os gastos relacionados à parte administrativa da empresa e englobam os setores financeiro, comercial, de marketing etc. Basicamente, são bens e serviços que não se ligam diretamente à produção. Veja alguns exemplos:

  • Contas de água, luz, telefone e internet;
  • Aluguel do espaço;
  • Materiais de escritório;
  • Lanches oferecidos aos colaboradores;
  • Comissões sobre as vendas realizadas;
  • Juros bancários;
  • Multas;
  • Entre outros.

Custos

Já os custos estão relacionados à execução da atividade-fim da entidade, que pode ser produzir, vender e entregar produtos, bem como prestar serviços. Confira alguns exemplos:

  • Matéria-prima e insumos;
  • Mão de obra;
  • Gastos necessários para fabricação;
  • Energia elétrica usada no processo produtivo;
  • Manutenção dos equipamentos;
  • Embalagens dos produtos etc.

Eles ainda podem ser classificados em diretos e indiretos. Os primeiros dizem respeito aos gastos individualizáveis em cada produto ou serviço, ou seja, eles podem ser identificados e quantificados facilmente, como o consumo de materiais aplicados diretamente na produção, pois é possível calcular exatamente os bens usados na produção de cada item.

Já os indiretos são aqueles que não podem ser individualizados em cada mercadoria ou serviço. Aqui se encaixam os materiais indiretos utilizados em vários produtos, como lixas, graxas e lubrificantes.

É muito importante saber que o overhead não é sinônimo dos conceitos listados. Ele está ligado à administração do negócio, e pode se encaixar em algumas contas das despesas ou custos indiretos.

Tipos de overhead costs

Overhead é um termo complexo, que pode ser dividido em três categorias: custos fixos, variáveis e semivariáveis. Mas fique tranquilo, explicamos cada um deles nos tópicos abaixo.

Fixo

Esse tipo não varia de acordo com o volume produzido ou vendido. Alguns exemplos são o aluguel e a conta de internet, que são imutáveis, independentemente da produtividade da empresa, do volume de vendas ou quantidade de clientes.

Variáveis

Como o próprio nome indica, são os gastos que variam proporcionalmente com as atividades da empresa. O Imposto sobre a Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) é um exemplo que se encaixa nesse conceito, pois a carga tributária acompanha o aumento de vendas da empresa.

Semivariáveis

Os semivariáveis são aqueles que incorrem independentemente do nível de atividade, mas podem ter uma parte alterável conforme a produtividade da empresa.

Imagine um plano de energia elétrica em que a empresa contrata um fornecimento mínimo (chamado de demanda). Essa parte da conta é fixa, porém, se a organização necessitar de mais energia que a quantia originalmente contratada, ela será parcialmente variável.

Ressalta-se que, nesse mesmo exemplo, a parte da energia utilizada para os setores administrados é considerada como despesa, enquanto a eletricidade consumida pelos setores produtivos estará dentro dos custos.

Como o overhead impacta meus negócios?

Controlar as despesas e custos é uma tarefa que exige muita atenção dos gestores e do setor financeiro, mas ainda é uma atividade indispensável para o desenvolvimento da empresa, pois cada real poupado impacta diretamente nos resultados e lucros do negócio.

Entender como controlar o overhead ou overhead financeiro é crucial para uma empresa que tem diversas áreas, exerce mais de uma atividade ou pretende se desenvolver no mercado. Essa conta possibilita que o controlador estabeleça o custo real da produção de bens e prestação de serviços, impactando na definição de seus preços.

Imagine uma empresa que preste dois serviços diferentes: você precisa saber quais custos estão atrelados a cada uma delas, bem como qual é o overhead ligado à administração — que é o mesmo para ambas as atividades. Assim, você conseguirá definir preços de venda proporcionais e mais justos aos serviços.

Além disso, ao listar todos os gastos envolvendo o overhead, é possível identificar os custos excessivos e reduzi-los ou eliminá-los. É importante que os empreendedores ou investidores entendam o conceito de overhead, já que os dados são importantes para precificar seus produtos e serviços.

Gostou do artigo? Então acesse o site da Onze e confira outros conteúdos sobre o assunto.