Benefícios flexíveis: o que são e por que oferecer na sua empresa

Por Redação Onze

Retenção-de-funcionários

Oferecer benefícios flexíveis é uma alternativa para empresas que buscam atender às necessidades de todos os colaboradores. As vantagens ao negócio incluem aumento do engajamento dos funcionários e retenção de talentos.

Mas o fato é que esse recurso ainda não é comum nas empresas brasileiras. Por isso, essa pode ser uma oportunidade para você se diferenciar no mercado. 

Então, como funcionam os benefícios flexíveis e como você pode oferecê-los aos colaboradores? Siga a leitura para tirar todas as suas dúvidas sobre o tema.

O que são benefícios flexíveis?

Benefícios flexíveis são um pacote de benefícios que a empresa oferece aos colaboradores conforme a preferência de cada um. 

Assim, os funcionários personalizam o seu pacote de acordo com os itens que são mais interessantes para suas necessidades e estilo de vida. Entre os benefícios que você pode oferecer, destacam-se, por exemplo, plano de saúde, previdência privada e bolsas de estudo. 

E qual é o benefício para a organização? Na verdade, são vários. Essa estratégia propicia aumento do bem-estar e da motivação dos funcionários, ganho de produtividade e otimização de resultados.

Mas aqui há um desafio: mesmo que cada colaborador escolha entre os benefícios oferecidos, todos os pacotes precisam ter valores equivalentes. Ou seja: um colaborador não pode ganhar mais do que outro. Portanto, é necessário ter cuidado na criação dos pacotes. 

Por que oferecer benefícios flexíveis?

Nas próximas linhas, descubra por que benefícios flexíveis são um recurso interessante para disponibilizar aos funcionários da empresa:

1. Atração e retenção de talentos

A oferta de benefícios flexíveis pode ser um diferencial competitivo para a empresa como um lugar para trabalhar, já que ainda se trata de uma estratégia inovadora no Brasil. O resultado? Você consegue, dessa forma, atrair e reter profissionais valiosos para o negócio justamente por atender à demanda de cada um.

2. Aumento da satisfação do colaborador

Outro benefício é o aumento da satisfação e do bem-estar do colaborador, porque ele tem acesso aos benefícios que realmente fazem sentido para sua realidade. Consequentemente, você eleva alguns índices importantes para os resultados organizacionais: motivação da equipe, produtividade, engajamento e performance.

3. Alinhamento com as necessidades do colaborador

Como afirma Brent Wallace, coordenador executivo de recrutamento da Royer Thompson, em artigo para o LinkedIn, os planos de benefícios flexíveis são uma ótima ferramenta para atender às necessidades dos funcionários.

“Ter uma força de trabalho diversificada em relação à cultura, à idade e à personalidade tem vantagens e está se tornando a norma no local de trabalho. Com uma diversidade de funcionários, surge uma diversidade de necessidades que os empregadores devem atender”, destaca o autor. Os resultados, segundo ele, são maior produtividade e redução de absenteísmo.

Tipos de benefícios flexíveis para oferecer

Depois de compreender as vantagens de implementar essa estratégia de gestão de pessoas, confira alguns dos principais benefícios flexíveis que você pode oferecer aos colaboradores da empresa:

Plano de saúde 

Plano de saúde costuma ser um dos benefícios concedidos por empresas, sobretudo porque custam caro e pesam no orçamento. Também é uma forma de aumentar a saúde dos funcionários, reduzindo índices de absenteísmo e presenteísmo.

Plano odontológico

Assim como o plano de saúde, planos odontológicos e procedimentos na área costumam ter custo elevado. Mas pode ser um recurso que não é prioridade para todos os colaboradores. Então, faz todo o sentido oferecê-lo com flexibilidade.

Previdência privada

Previdência privada empresarial é um diferencial no quesito dos benefícios. Com ela, você pode atender às necessidades de profissionais de todas as idades. Afinal, trata-se de um investimento que complementa a previdência social  — e planejar o futuro financeiro é algo atraente para qualquer pessoa.

Auxílio-creche

Para funcionários que têm filhos, o auxílio-creche pode ser um diferencial relevante. Nesse caso, permite ao colaborador uma economia no orçamento mensal e, de quebra, faz com que ele se sinta mais motivado a permanecer na empresa.

Vale-combustível e estacionamento

O vale-combustível e o vale-estacionamento também são benefícios interessantes para quem usa o carro para trabalhar. Sobretudo se você tem funcionários que trabalham em outras cidades, vale a pena oferecer esses benefícios.

Vale-cultura

Outro benefício flexível é o vale-cultura. Trata-se de um valor extra que o colaborador pode destinar a atividades culturais, como teatro, cinema e shows, sem sentir um peso no bolso.

Bolsas de estudo

Oferecer bolsas de estudo também é uma excelente maneira de fisgar os profissionais com vontade de crescer e se qualificar. Nesse caso, a bolsa tem o valor específico definido pela empresa e pode servir para custear gastos com cursos on-line, aulas de idiomas, cursos de graduação e participação em eventos e workshops na área.

Como você pode ver, o leque de benefícios flexíveis é grande. Quanto mais diversificado for esse conjunto de itens, maior será a sua capacidade de atender às expectativas e necessidades dos colaboradores.

Então, que tal montar o seu plano com essas dicas? Se você gostou deste conteúdo, compartilhe com seus colegas e amigos.