ROIC: O que é e como calcular esse indicador

Por Redação Onze

ROIC

O mercado financeiro é composto de indicadores e termos que confundem os investidores iniciantes. Porém, entendê-los é primordial para fazer investimentos lucrativos e obter uma carteira rentável. O ROIC, por exemplo, é um indicador indispensável para comparar empresas do mesmo setor e analisar qual é a mais rentável para investir.

No entanto, para fazer uma análise eficiente, é importante saber o que é esse indicador, como calculá-lo e interpretá-lo. E é isso o que você vai aprender com esse artigo. Vamos lá?

ROIC: O que significa?

O ROIC (Return On Invested Capital) também conhecido como “Retorno Sobre Capital Investido” é um indicador que avalia a rentabilidade do investimento aplicado pelos acionistas e credores na empresa. Essa métrica considera tanto o capital próprio da empresa, como empréstimos e de terceiros.

Investir em ações de empresas com índice alto pode ser uma boa oportunidade porque, quanto maior for o índice, mais rentável e eficiente é a organização. Isso pode valorizar os ativos da carteira do investidor em curto prazo.



Diferença entre ROIC, ROI e ROE

Apesar de serem siglas parecidas, o ROIC, ROI e ROE são bem diferentes. O ROIC mensura o retorno do capital total investido na empresa, incluindo os aportes próprios e de terceiros.

Enquanto isso, o ROE (Return On Equity) avalia apenas o retorno sobre o patrimônio líquido, realizado pelos acionistas. Diferente dos outros dois indicadores, o ROI (Return Over Investment) ou Retorno Sobre Investimento, avalia o quanto a empresa ganha ou perde em cada investimento realizado.

Para tornar essa diferença mais clara, vamos resumir cada um desses indicadores:

  • ROIC: Mede a capacidade da empresa de gerar retorno com base no capital total investido por investidores e credores.
  • ROE: Indica o retorno financeiro que a empresa consegue obter com o patrimônio líquido
  • ROI: Avalia a lucratividade ou prejuízo de cada investimento.

Como calcular o ROIC?

O jeito mais simples de calcular o ROIC é usando a fórmula abaixo.

ROIC = NOPAT/Capital Total Investido

Onde:

  • NOPAT: o Net Operating Profit Less Adjusted Taxes (NOPAT) representa o lucro operacional líquido sem os impostos, o famoso EBIT.
  • Capital Total Investido: consiste na soma do capital próprio e de terceiros investido na empresa.

Ao fazer esse cálculo, você deve considerar sempre o lucro operacional ou EBIT, pois ele não engloba despesas fiscais ou taxas de endividamento.

Os valores do NOPAT e do capital total investido podem ser obtidos respectivamente na DRE e Balanço Patrimonial da empresa.

Como interpretar o ROIC

Como você aprendeu, esse é um indicador essencial para analisar como a empresa aloca o capital e obtém rentabilidade com ele. Mas, para identificar as melhores oportunidades, é preciso saber interpretar esse índice corretamente.

Esse indicador representa uma porcentagem da rentabilidade da empresa nos últimos 12 meses. Em termos gerais, quanto mais alto for o valor do índice, maior foi o retorno obtido pela empresa.

No entanto, para fazer uma análise precisa, é recomendado comparar o ROIC com o Custo Médio Ponderado de Capital (WACC). Dessa maneira, é possível verificar com precisão se a empresa está ou não gerando valor.

Uma prática comum no mercado financeiro é comparar o ROIC com a taxa de 2%. Assim, quando o resultado do índice é superior a 2% indica que os investimentos agregaram valor à empresa. Caso contrário, o índice é considerado como um “destruidor” de valor.



Vantagens e desvantagens do ROIC

Assim, o ROIC é o indicador mais apropriado para avaliar o desempenho financeiro da empresa. Embora ele seja simples de calcular e interpretar, saiba que ele possui algumas limitações.

Confira abaixo as principais vantagens e desvantagens desse indicador e faça uma análise precisa das empresas que pretende investir.

Vantagens do ROIC

Veja agora as vantagens de usar esse indicador na hora de analisar o seus investimentos:

  • Facilita a comparação dos resultados

O ROIC permite comparar a performance financeira entre duas ou mais empresas. Com isso, o investidor pode fazer um investimento naquela capaz de maximizar os lucros do capital.

Imagine que, analisando duas empresas disponíveis na bolsa, você identificou que o indicador de uma delas é maior que a outra. Nesse caso, é provável que você tenha encontrado uma boa alternativa de investimento.

  • Avalia a composição completa do capital

Outra vantagem desse indicador é que ele oferece uma visão completa sobre a composição do capital e rentabilidade do capital. Isso acontece porque, diferentemente do ROE, esse índice não avalia apenas o capital investido por acionistas, mas também o de terceiros.

  • Indica a vantagem competitiva da empresa

Quando uma empresa tem um ROIC alto e um market share estável, quer dizer que ela tem um boa vantagem competitiva no mercado. Isso significa que a empresa é sólida no mercado e que a entrada de novos competidores não afetam o seu desempenho comercial e financeiro.

Desvantagens do ROIC

Como mencionamos anteriormente, o indicador possui algumas limitações que devem ser analisadas. Confira quais são elas:

  • Não avalia investimentos isolados

Por avaliar os resultados financeiros da empresa como um todo, não é possível saber qual investimento está oferecendo o melhor retorno. Por isso que, para fazer uma avaliação detalhada, os investidores usam indicadores como o ROI e o ROE.  Dessa maneira, é possível alocar recursos com mais segurança e eficiência.

  • Não analisa a geração de caixa

Como os resultados desse índice são avaliados pelo regime de competência, não é possível avaliar a geração de caixa. Isso significa que não é possível saber qual segmento da empresa está gerando lucro ou prejuízo.

Como o ROIC é utilizado?

Esse indicador é utilizado quando os investidores desejam avaliar a empresa que oferece a melhor rentabilidade.

Isso acontece porque eles podem comparar resultados financeiros de duas ou mais empresas do setor e perceber qual delas aloca o capital com eficiência e gera valor para o investimento.

Ainda, o retorno sobre capital investido também serve para complementar análises financeiras com outros indicadores. A prova disso é que alguns investidores comparam o ROIC com o ROE ou o WACC para verificar se a empresa está crescendo.