Bonificação para funcionários: o que é, por que oferecer e como implantar na sua empresa

Por Redação Onze

Bonificação para funcionários

O salário mensal de um colaborador é a parte fixa e obrigatória da remuneração que o empregador deve lhe pagar. Para as empresas, dar ao colaborador a chance de aumentar a própria remuneração com um bom desempenho é uma estratégia eficaz para valorizar o profissional, motivar toda a equipe e elevar a produtividade. É essa a ideia da bonificação para funcionários.

A bonificação por resultados é um método de premiação para funcionários que tornou-se costumeiro nas maiores empresas do mundo – como o Google e o iFood, por exemplo. As vantagens da iniciativa são profusas: atração dos melhores talentos, retenção dos grandes profissionais e melhora no clima organizacional são apenas algumas, além do incentivo constante à eficácia.

O que é a bonificação para funcionários

A bonificação para funcionários é uma categoria de benefícios flexíveis que recompensa o colaborador cuja performance atinge ou supera as metas que foram estabelecidas para um determinado período. Trata-se de um bônus que pode ser concedido individualmente, a cada funcionário que se destaca, ou de maneira coletiva, premiando toda uma equipe.

Como uma estratégia de remuneração variável, a bonificação para funcionários pode ser realizada de diferentes maneiras.Veja alguns exemplos:

  • Com valores em dinheiro;
  • Viagem com passagem e hospedagem garantidas;
  • Cestas de alimentos, vale-presente ou produtos diversos;
  • Inscrição em cursos e treinamentos;
  • Direito à folga adicional.

Como a bonificação para funcionários não faz parte da remuneração salarial obrigatória, não há cobrança de encargos como INSS ou FGTS sobre os bônus que o empregador concede, contanto que o bônus esteja de fato atrelado a um desempenho superior. A periodicidade da premiação para funcionários também fica a cargo da empresa e pode ser mensal, trimestral, semestral ou anual.

Bonificação x PLR

A Participação nos Lucros e Resultados é outra forma de premiação que incentiva a produtividade dos funcionários. A principal diferença entre a bonificação para funcionários e PLR é que o segundo precisa ser negociado entre a empresa, seus colaboradores e representantes sindicais da classe antes de ser homologado em Acordo Coletivo.

Além disso, uma vez acordada a PLR precisa ser paga em todos os anos que a empresa registra lucros e bons resultados. Já a bonificação fica a critério da empresa, não precisa ser negociada e tem periodicidade variável. Mas se for muito frequente e sem métricas claras de desempenho, pode ser enquadrada como parte do salário e sofrer encargos.

Por que é a bonificação para funcionários é uma boa estratégia

O estresse financeiro revelou-se em pesquisas recentes não apenas como a maior preocupação do brasileiro como uma das principais causadoras de prejuízos nas empresas: desconcentração no trabalho, falta de motivação e produtividade, alta nos índices de absenteísmo e turnover, perda de bons profissionais para outras empresas, etc.

Assim, benefícios que proporcionam saúde financeira e tranquilidade aos funcionários – como é o caso da bonificação – trazem uma série de vantagens:

  • Motivação da equipe, estímulo à produtividade e à busca pelo melhor desempenho;
  • Atração e retenção dos melhores talentos;
  • Fortalecimento do vínculo entre o colaborador e a empresa;
  • Melhora do ambiente de trabalho e do clima organizacional;
  • Maior facilidade para o RH fazer a gestão das pessoas.

Como montar um bom plano de bonificação na sua empresa

A melhor forma de usar a bonificação por resultados para premiar os colaboradores é utilizando métricas bem definidas e com total transparência para que toda a equipe saiba exatamente o que precisa fazer para conquistar o bônus. Por lógica, esse bônus precisa ser algo que de fato motive os funcionários a se dedicarem para alcançar ou superar as metas.

Veja abaixo o roteiro para montar seu plano de bonificação em 5 passos:

1 – Com base na receita da empresa, estabeleça os valores e os prêmios que serão oferecidos aos colaboradores no caso dos objetivos serem alcançados ou superados;

2- Defina as métricas que serão aplicadas na bonificação – elas podem ser:

  • Por metas atingidas;
  • Por número de vendas;
  • Por indicação dos outros funcionários;
  • Por feedback dos clientes;
  • Por assiduidade do colaborador;
  • Outras métricas.

3 – Use o RH para criar uma campanha de divulgação que faça toda a equipe conhecer as regras da bonificação, os objetivos a serem alcançados e os prêmios que os esperam;

4 – Pague a premiação em dia – atrasos resultarão em desmotivação, dúvidas quanto ao processo e problemas de gestão;

5 – Dê feedbacks constantes – se um colaborador não recebe a bonificação, ele precisa saber o que ficou faltando e o que precisa fazer para melhorar e conquistar seu bônus.

Sobre a Onze

A Onze é especialista em oferecer benefícios que ajudam seu colaborador a trabalhar mais feliz e dedicado, com a tranquilidade de quem tem o patrimônio financeiro assegurado.

É a proposta da Previdência Privada Empresarial, benefício corporativo que afasta o estresse financeiro da mente do funcionário e que está entre os três benefícios que mais atraem e retêm grandes talentos.